blog.

WhatsApp lança novos recursos

Postado por Martinez Comunicação  |  17/06/2020

O WhatsApp está preparando uma série de mudanças no aplicativo que promete facilitar bastante a vida dos usuários. Os testes das novas funcionalidades foram divulgados pela WeBetaInfo, na semana passada. As mudanças vão desde novas cores no design do aplicativo até medidas de combate à Fake News. Os novos serviços estão sendo testados na versão Beta do WhatsApp e deve chegar para os usuários em breve.

Confira as principais mudanças:

1. Uso de armazenamento

O uso do armazenamento é um problema para muitos usuários Android, já que neste sistema todas as mídias recebidas pelo WhatsApp são salvas, obrigatoriamente, no smartphone do indivíduo. Esse problema deve ser solucionado em breve, já que o WhatsApp vem estudando mudanças no gerenciamento de armazenamento do aplicativo. Uma dessas mudanças é a possibilidade do usuário fazer download apenas de arquivos grandes ou arquivos encaminhados, sem precisar descarregar em seu aparelho todo o conteúdo recebido no aplicativo.

Outra mudança que está sendo testada é a possibilidade do usuário limpar todas as mensagens, exceto as favoritadas na conversa - algo que já é possível fazer na janela principal do serviço.

Esse recurso está sendo testado tanto no sistema Android, como no IOS.

 

2. Organização de mídias

O WhatsApp também estuda implantar um recurso de organização de mídias trocadas entre os usuários. Assim como no computador, onde podemos reunir os arquivos em pastas, no aplicativo também será possível fazer essa organização, ordenando as mídias por data ou tamanho.

O teste está sendo feito no IOS e no Android.

 

3. Busca por data

Outro recurso que vai facilitar a busca por determinadas mídias, é a busca de arquivos por data. Sabe quando você troca mensagens com algum desconhecido que não está salvo na sua lista de contatos e aquela pessoa te manda uma foto legal, mas você não consegue encontrar porque não lembra o nome dela? Com esse recurso, você poderá buscar essa foto, desde que saiba a data em que ela foi enviada.

Funciona da seguinte maneira: o recurso é adicionado à função atual de pesquisar mensagens em uma conversa. No campo do teclado, será incluído um ícone de um calendário no topo superior direito. Ao clicar nesse calendário, o usuário poderá selecionar uma data exata para ver as mensagens enviadas naquele dia.

Essa funcionalidade foi notada em testes no iOS, mas é provável que seja levada também para celulares Android.


4. Combate à Fake News

Com a quantidade de Fake News disparadas, diariamente, toda a desinformação e golpes já realizados através do WhatsApp, o aplicativo vem estudando novas formas de garantir a segurança dos seus usuários e evitar a desinformação.

Para isso, a versão Beta do WhatsApp está trabalhando em uma função de criar uma lupa em textos encaminhados para as pessoas poderem buscar na internet o teor da mensagem. Essa ferramenta também deverá valer para imagens, conforme apurou a WaBetaInfo.

Funcionará da seguinte forma: ao receber uma foto ou mensagem encaminhada, um botão com lupa ao lado dela permitirá buscar o conteúdo na internet. Esse recurso valerá para mensagens que são encaminhadas ao menos quatro vezes dentro do aplicativo. Quando isso ocorrer, o botão de encaminhamento ao lado da foto será substituído pelo botão da lupa e ao clicar no ícone a foto ou a mensagem é enviada para o Google e o usuário poderá analisar o teor da sua veracidade.

Os testes desse recurso estão sendo realizados nos dois sistemas operacionais.

 

5. Novo design

Um novo design também deve ser implementado no WhatsApp, permitindo ao usuário deixar seu aplicativo no modo escuro, assim como o Instagram fez há algum tempo. No novo layout, que está sendo testado em aparelhos IOS, a cor verde do balão de conversa aparece em um tom mais escuro. Essa mudança visual, além de dar um ar mais moderno para as conversas, também pode facilitar a leitura dos usuários, já que a tela branca gera mais luz e pode comprometer a visão.

Todas essas funcionalidades, de acordo com o WeBetaInfo, estão sendo testadas pela versão Beta do WhatsApp. No entanto, um novo recurso já foi implementado para os usuários brasileiros na última segunda-feira (15), trata-se da função de pagamentos.

O recurso chegou, em primeira mão, no Brasil e está disponível para um grupo selecionado de pessoas. Em breve, o restante dos usuários devem receber a atualização e poderão realizar pagamentos pelo próprio WhatsApp, sem precisar acessar o aplicativo do banco.

Mas como funciona?

A opção "pagamento" será incluída no menu de ações — ele é acionado ao clicar no sinal "+" nos iPhones e no de “clipe” nos Androids. Até o momento, apenas cartões de débito e crédito do Bancos do Brasil, NuBank e Sicredi estão disponíveis, tanto nas bandeiras Visa, como na Mastercard. Mas já existem acordos com o Bradesco, Santander e Itaú que devem chegar em breve na plataforma.

As transferências serão realizadas entre pessoas de contas comuns e entre empresários, pelo WhatsApp Business e há diferenças entre os dois.

Pessoas comuns

A transferência de dinheiro entre pessoas comuns será gratuita, porém haverá um limite de R$1.000 por transação, podendo ser feitas apenas 20 transações por dia, com um limite de R$5.000 por mês. Além disso, nas contas comuns serão aceitas apenas cartão de débito.

Contas Empresariais

Já os empresários, usuários do WhatsApp Business pagarão uma taxa de 3,99% sobre as transações, que poderão ser realizadas por cartão de débito ou crédito, sem limite de valor ou transação.

Os usuários comuns que tentarem burlar a regra e vender produtos ou serviços pelo WhatsApp Business poderá ter a transação interrompida, caso o Facebook – que é administrador do WhatsApp – perceba.

Esse novo recurso, segundo Matt Idema, diretor de operações do WhatsApp, pretende ajudar pequenas empresas a expandir os negócios. Vale lembrar que Mark Zuckerberg, CEO do WhatsApp, Facebook e Instagram, vem anunciando medidas de apoio a pequenos empresários em todos os seus aplicativos. No Facebook, foi implantado o Facebook Shops, que permite os usuários fazerem compra e venda dentro do próprio aplicativo, e no Instagram foi desenvolvido um sticker para divulgar empresas nos stories.

Com essas medidas, Zuckerberg tem se posicionado a favor dos seus usuários, criando alternativas úteis para auxiliar os empresários diante da crise, além disso, o CEO deve ter a audiência dos seus aplicativos aumentada com tantas funcionalidades.

E você? Gostou das novidades?

AV ITATIAIA, 662 - RIBEIRÃO PRETO-SP | (16) 3237-6797